Refresque o seu browser!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
Dunya Rodrigues apresenta primeira exposição individual no Memorial Agostinho Neto

Artigo

Dunya Rodrigues apresenta primeira exposição individual no Memorial Agostinho Neto

A exposição é composta por obras produzidas ao longo de cinco anos.

Andrade Lino
30/7/2018
Dunya Rodrigues apresenta primeira exposição individual no Memorial Agostinho Neto
Foto por:
DR

A fotógrafa angolana Dunya Rodrigues vai apresentar, de 3 de Agosto a 3 de Setembro, no Memorial Dr. António Agostinho Neto, a sua primeira exposição individual, denominada “A Repartição”.

Composta por obras produzidas gradualmente durante cinco anos, o projecto é constituído por uma mostra fotográfica que reúne três conjuntos de trabalhos, dois produzidos mais recentemente, que, embora tenham sido atravessados pelo mesmo objecto, apresentam motivações diferentes.

Para Dunya Rodrigues, citada pelo Jornal de Angola, a exposição é um marco pessoal e uma exploração de técnicas e composições simples, sendo o objecto as pessoas que lhe estão próximas, com quem convive e tem convivido ao longo do desenvolvimento do seu trabalho.

A ideia matricial, segundo Dunya Rodrigues, é “dividir para observar”, e afirma que quando soube desta exposição, a primeira reacção foi de espanto. “Espanto porque parecia-me serem visíveis as diferenças entre os trabalhos apresentados, tendo-me referido a esse sentimento. Contudo, uma observação periscópica permitiu-me notar as linhas comuns e ligações, muito mais importantes do que as diferenças entre os meus trabalhos. A demarcação do objecto, fundamentalmente seres humanos, em todas as formas que se apresenta, às suas convenções, diálogos e contradições, está sempre subjacente à sua existência, refiro-me ao objecto, na sua relação com o meio”, explicou.

As fotografias mais antigas desta exposição datam do período que vai de  2012   a 2013, na época, pensadas para uma exposição colectiva, e não estão  incluídas neste projecto, disse ainda a artista.

Filha de Jorge Augusto Rodrigues e de Maria de Fátima Sousa, Dunya Maria de Sousa Rodrigues nasceu em Luanda no dia 21 de Setembro de 1983. Cresceu e fez estudos em fotografia e cinema em Lisboa. Residente em Luanda, dedica-se inteiramente à fotografia e participou, nos últimos anos, em exposições e projectos colectivos nos domínios da música, artes performativas e imagem.

 

Andrade Lino
Jornalista e Fotógrafo

Amante das artes visuais e da escrita, além de jornalista e fotógrafo, Andrade Lino é também estudante do curso de Licentura em Língua Portuguesa e Comunicação na Universidade Metodista de Angola. Nos tempos livres é músico e produtor.

1
Catálogo
2
Artigos
3
multimédia
4
agenda